MÉTODO SEGUE À RISCA 

O Método SEGUE À RISCA, foi criado por Chris Bove, através das experiências vividas por toda sua trajetória profissional como empresária na área do luxo.

 

Um método focado na transformação pessoal e do negócio, através de aplicação de técnicas e dinâmicas com resultados comprovados e reconhecidos por diversos Profissionais das Áreas da beleza, saúde e bem estar.

 

O método divide-se em 3 fases que se complementam.

 

​São elas:

 

Enraizamento - Como sugere o nome, esta é a fase em que entramos a fundo nas raízes do negócio e do profissional, para que se tenha um completo entendimento de propósito, missão, valores, sonhos, forças, metas, objetivos.

O enraizamento é a base do trabalho de transformação, onde se redescobre todo conhecimento e experiência, e através de técnicas e poderosas ferramentas, atinge-se novos e maiores resultados, tanto em sua vida quanto seu negócio.

 

Florescimento - Nesta fase todos ao seu redor conseguem perceber e contemplar sua mudança. Todo aprendizado e conhecimento absorvido é aplicado de maneira natural. Pequenas alterações já conseguem causar grandes impactos.

 

Colheita - Então o profissional e o negócio começam a perceber sua metamorfose, enxergando com clareza a transformação que está vivendo.

Nesta etapa através de dinâmicas mais profundas e realistas consegue-se colocar em prática em seu ambiente de trabalho e relacionamento interpessoal todas as técnicas e então, vivenciar a incrível experiência da força da atração, poder de persuasão e facilidade na retenção, que são atributos e adjetivos cobiçados em todas as áreas.

 

O Método Segue À Risca tem o poder de transformar você e o seu negócio, aumentando sua performance, crescendo seus resultados e lotando sua agenda, além do esperado.

 

Permita-se!

 

Embarque nesta jornada e vivencie essa experiência extraordinária, deixe Chris Bove guiar seus passos ao encontro com SEU NOVO EU.

RESULTADOS

“Impactou demais no atendimento com o cliente, no meu retorno com o cliente e no
crescimento inclusive da minha bancada.”

 

  Bruno Di Maglio, Cabelereiro e Empresário 

SALÃO 1838